Gestão pessoal alavanca empresários gaúchos

Da esquerda para a direita: Paulo Geremia, Cristine Grings, César Leite (VP Federasul) e Emerson Vontobel

O último painel do 14º Congresso da Federasul, Gaúchos que fazem acontecer, reuniu três empresários para falar sobre desafios, oportunidades e perspectivas. Em comum nos discursos, o valor da gestão, da inovação e da valorização das pessoas. Tanto o presidente da CVI Refrigerantes, Emerson Vontobel; como a presidente da Picadilly, Cristine Grings e o sócio fundador do Grupo DiPaolo, Paulo Geremia, concordaram que são grandes os desafios, mas que é fundamental acreditar no empreendedorismo.

A presidente da Picadilly, disse que é preciso evoluir, sem romper com o passado. “Temos consciência de que o que nos fez chegar aos 63 anos não é o que vai nos fazer chegar aos 100”, revelou. Com isso, a aposta foi na remodelação do negócio, a partir da atualização da marca. De acordo com Cristine, no entanto, o que não mudou foi a valorização das pessoas. “Olhamos sempre para o público interno. É ele o verdadeiro agente de transformação”, reforçou.

Assim como ela, Paulo Geremia defendeu o incentivo ao crescimento profissional dos funcionários. “É importante trabalhar como se fosse o dono do negócio”, comparou. Segundo ele, é fundamental que os funcionários defendam a marca. “Uma vez, nós gravamos um vídeo dos funcionários falando sobre o que acham do Grupo DiPaolo. Hoje, todo novo profissional assiste a esse material quando entra, para começar a entender o que é essa família”, comentou.

Além do olhar interno, a CVI Refrigerantes aposta no desenvolvimento da sociedade em harmonia ao crescimento do negócio. Para isso, foi criado, em 2002, o CVI Social, que visa capacitar gestores de diferentes entidades para criar um planejamento de gestão e sustentabilidade para o seu negócio. Desde lá, segundo Vontobel, foram mais de 210 projetos atendidos e R$ 2 milhões doados para a causa. “Nós ajudamos no desenvolvimento de projetos sociais que vão assumir o trabalho que o Estado não consegue fazer”, complementou.