98 anos da ACIST-SL: Momento também de homenagens

Presidente da ACIST-SL, Oldemar Plantikow Brahm | Fotos: AmorUna | Vitor Amoretti

Com o salão do Villa Pettit Multieventos lotado, a ACIST-SL celebrou seus 98 anos de fundação junto à diretoria, associados, equipe e convidados e também homenageando um grupo especial de empresas. Elas comemoram mais de 50 anos de fundação. “Nós temos que valorizar e prestigiar estes empreendedores, que apesar de todas as dificuldades, não desistem do seu propósito de gerar valor para a sociedade onde vivem”, ressaltou Oldemar Plantikow Brahm, presidente da Associação. Receberam um troféu de agradecimento as associadas Ferragem Feldmann e Caixa Federal Agência Centro, que completaram 80 anos, a Artefatos de Borracha Bins, pelos seus 65 anos, a Ingabor Borrachas, com 55 anos e a Viação Leopoldense, que celebrou 50 anos.

No seu discurso de boas vindas, o dirigente ressaltou o comprometimento da diretoria em contribuir para a busca de soluções em áreas como a Educação, a Segurança Pública, a Valorização da Cidade, estímulo ao espírito empreendedor e ao Meio Ambiente, que ser tornaram as bandeiras da atual gestão.

Ele apontou também a importância da ACIST-SL para o desenvolvimento tanto das empresas como da comunidade. Lembrou que, no primeiro mês de fundação, no longínquo março de 1920, a associação reivindicou e conseguiu alargar a via que hoje é a Rua Lindolfo Collor. O asfaltamento e a ampliação das rodovias de acesso a São Leopoldo também foram lutas que foram lideradas pela entidade. “Poucos sabem, mas a ACIST teve papel protagonista para evitar que as obras da Trensurb dividissem a cidade, como havia ocorrido com Canoas, Esteio e Sapucaia”, ressaltou.

Na década passada, a Associação liderou o movimento que gerou a implantação do Parque Tecnológico Tecnosinos. “Foi dentro da entidade que as sementes para a criação de um polo de informática foram germinadas, tendo o apoio tanto da sociedade como do poder público Ao lembrar esta e outras histórias, nós temos a resposta para as pessoas que nos perguntam: Por que eu devo me associar? Quais são os benefícios que eu recebo?”

No encerramento, Oldemar fez um convite para que todos conheçam de perto todos os projetos da ACIST-SL e que participem deles. “O associativismo desperta o espírito de cidadania, pois podemos mudar para melhor o local em que vivemos. Se hoje criticamos tanto o status quo do poder público, podemos agir e atuar dentro da nossa casa, levando para os órgãos competentes as nossas reivindicações”, concluiu.

 

Quem são as homenageadas

Em 1968, a então Viação Campina foi adquirida pela administração atual, com o nome de Viação Leopoldense. Desde 2011, a empresa integra o Consórcio Operacional Leopoldense. Com 150 funcionários, atua com uma frota de 47 ônibus, atendendo cinco linhas na Zona Norte da cidade. São 2,5 milhões de quilômetros percorridos anualmente em São Leopoldo.

Ingabor Indústria Gaúcha de Artefatos de Borracha foi fundada em 1963. Localizada em uma área de 13 mil metros quadradas, é especializada no processamento de artefatos e peças técnicas de borracha, seguindo as normas ASTM D-2000 e ABNT, utilizando-se de diversos tipos de elastômeros. Atende empresas dos segmentos de Indústria de Máquinas e Equipamentos, Siderúrgico, Eletroeletrônico, Pneumático, Agropecuário, Bebidas, Climatização, Ferramentas e Metal Mecânico.

Fundada em 1953, a Bins Indústria de Artefatos de Borracha é uma das poucas empresas com capital 100% nacional a figurar entre os principais fabricantes de peças técnicas em borracha no Brasil, destinadas ao setor automotivo. Foi uma das primeiras empresas no seu segmento a adotar um modelo de gestão profissionalizada no final dos anos 90, fator determinante para um crescimento acentuado na última década. Mantém 350 colaboradores especializados e permanentemente atualizados por meio de investimentos em programas de auxílio à formação e qualificação profissional, bem como, dispõe de um pacote de benefícios visando reconhecer o seu maior capital: as pessoas.

Agência Centro da Caixa Econômica Federal foi fundada em 1938, em um período de muito crescimento na região do Vale do Sinos. Empresa pública, exerce um papel fundamental no desenvolvimento urbano e da justiça social, uma vez que prioriza setores como habitação, saneamento básico, infraestrutura e prestação de serviços, contribuindo significativamente para melhorar a vida das pessoas.

Ferragem Feldmann é uma empresa familiar, fundada em 1938. Hoje, na terceira geração, a empresa está totalmente informatizada e em constante evolução e adaptação às exigências do mercado. Oferece mais de 20 mil itens nos setores de ferragens, ferramentas, material hidráulico, material elétrico, tintas, caça e pesca e bazar, sempre buscando oferecer produtos de qualidade para satisfação do cliente.

O patrocínio do evento foi das empresas SKA, Stihl, Oliva, Unimed, Sinodal, Sicredi, Frontec e contou com o apoio da Doce Panela Ateliê de Doces e Matriz Farmacêutica.

 

Texto: Imprensa ACIST-SL | Senha Comunicação Integrada